Blog da Coroa

O outro lado do Cara!

Lambedor de botas não viu passar o trem do Wikileaks

O Retardado Azevedo, que nós aqui já conhecemos muito bem, é uma pessoa sensata. Golpe para ele só ocorre quando a direita perde o poder. Por isso ele escreveu dezenas de textos sobre o golpe de Honduras (alguns exemplos: aqui, aqui, aqui, aqui e aqui, além de trocentos outros. Aliás, a tag Honduras tem mais de 10 páginas! E cada uma com 20 posts!). Ele até fez pós-graduação em direito constitucional hondurenho para provar que não houve golpe! Ele até fez um post com os 16 passos do golpe hondurenho (ou melhor, da tomada democrática do poder, segundo seu exercício diuturno de criação de eufemismos) “provando” a legalidade do governo que depôs o Zelaya!

Mas não nos enganemos. A defesa ferrenha dele pelo golpe se resume em uma única palavra: subserviência. Subserviência aos reaças americanos que louvavam o retorno à legalidade de Honduras.

No entanto, passaram-se meses e o Wikileaks trouxe a público centenas de milhares de documentos. Entre eles estavam os seguintes trechos:

“…Washington não tem dúvida de que em Honduras houve um golpe de Estado contra o então presidente, Manuel Zelaya, e agrega que “os militares, a Corte suprema e o Congresso Nacional conspiraram no dia 28 de junho no que constituiu um golpe ilegal e inconstitucional contra o Executivo”.

“Não há dúvida de que deste nossa perspectiva de que a chegada ao poder de Roberto Micheletti foi ilegítima”

“…os argumentos apresentados por Micheletti e pelos militares e políticos golpistas “não tem nenhuma validez substancial” e agrega que “algumas são abertamente falsas”.

“…medidas executadas pelos golpistas foram “aparentemente ilegais”, desde o fato mesmo de que “os militares retiraram Zelaya do país sem autoridade pra fazê-lo”, algo que “violou múltiplas garantias constitucionais, incluindo a proibição da expatriação, a presunção da inocência e o direito a um processo legal”.

E agora, Reinaldo? Vai continuar discutindo com o Caetano Veloso sobre o Prêmio jabuti dado ao Chico Buarque? Vai continuar se roendo de inveja pelo fato de o Chico ter recebido 3 vezes o prêmio? Ou é só pq a sua editora, a Record, se sentiu ultrajada por ter perdido o Jabuti para a rival? Vários interesses…

Acho que o melhor para você, seu medíocre, é se contentar com assinaturas da petição para que o Chico Buarque devolva o Jabuti… 10.000 assinaturas? Que glória!


Anúncios

novembro 29, 2010 Posted by | Política | 6 Comentários