Blog da Coroa

O outro lado do Cara!

Indústria tem faturamento recorde

Do Correio Braziliense: Faturamento da indústria cresce 11,3% no acumulado do ano, diz CNI

Agência Brasil

O faturamento real da indústria cresceu 1,9% em setembro, na comparação com o mês anterior, e acumula alta de 11,3% no ano, em relação ao mesmo período de 2009.

A constatação faz parte da pesquisa Indicadores Industriais, divulgada nesta quinta-feira (4/11) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Em relação a 2008, período anterior à crise, quando foi registrado o recorde histórico, o faturamento industrial avançou 3,5%.

Na comparação dessazonalizada com o mês de agosto, houve recuo de 0,4% nas horas trabalhadas. Houve crescimento de 5,3% no número de vagas, na comparação do acumulado deste ano com o de 2009. O rendimento médio real cresceu 0,5%, na comparação dessazonalizada com agosto, e 7,1% na comparação com setembro de 2009.

Segundo a CNI, isso também contribuiu para a expansão de 1,1% da massa salarial, sem ajuste sazonal.“Pelo lado do emprego, a fotografia é positiva, e isso pode ser visto como uma expectativa da continuidade de crescimento para os meses futuros, já que novos trabalhadores geram maior consumo”, disse o gerente executivo da CNI, Flávio Castelo Branco, referindo-se ao fato de o mercado de trabalho seguir em expansão, trajetória que vem sendo observada desde meados de 2009.

Segundo o estudo da CNI, houve recuo da capacidade instalada das indústrias que, na série dessazonalizada, caiu de 82,2%, em agosto, para 80,5%, em setembro.

novembro 4, 2010 Posted by | Economia | , , , | Deixe um comentário

Pré-sal na fase lucrativa

Meu Deus! Já no começo do ano que vem começará a fase de lucros do Pré-sal!

É nisso que a direita quer meter a mão!

Pré-sal na fase lucrativa

A partir da semana que vem, poços do megareservatório vão produzir 100 mil barris por dia

LUCIENE BRAGA

Rio – A Petrobras se prepara para começar a produzir petróleo comercialmente em Tupi, na camada pré-sal, na semana que vem, entre os dias 27 e 29 de outubro. A petrolífera espera atingir 100 mil barris por dia de óleo e 5 milhões de metros cúbicos de gás natural. Mas a produção comercial de gás só deverá começar no ano que vem.

O Teste de Longa Duração (TLD) em Tupi, na Bacia de Santos, começou em 1º de maio de 2009, com previsão de durar um ano e meio. À época, a unidade de produção tinha capacidade e autorização para extrair 14 mil barris de óleo por dia. Os testes na região foram bem-sucedidos, e a Petrobras decidiu pela antecipação, que foi anunciada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na semana passada.

O cronograma antecipado foi criticado, porque a data prevista para marcar a mudança é muito próxima e ocorrerá antes do segundo turno das eleições no País, dia 31 deste mês. O presidente da companhia, José Sergio Gabrielli, no entanto, afirmou que o equipamento necessário para ampliar a produção só chegou em 22 de setembro, justificando que a data não representa qualquer relação ou preocupação com o período eleitoral.

“Iniciaremos, pela primeira vez, a produção comercial do piloto de Tupi, que terá a capacidade de produção de até 100 mil barris por dia. É claro que isso não será obtido logo no início, mas é a capacidade”, disse Gabrielli, na inauguração das obras de ampliação da Refinaria Henrique Lage (Revap), em São José dos Campos (SP). O volume esperado coloca Tupi à frente do Campo de Baleia Franca, na Bacia de Campos. A unidade capixaba do pré-sal produz 40 mil barris diários.

Novo poço confirma reservas

A Petrobras informou ontem que novo poço de exploração perfurado na área de Tupi confirmou potencial de reservas de petróleo e gás natural de 5 bilhões a 8 bilhões de barris de óleo equivalente. Para se ter ideia do que esse volume representa, basta comparar as reservas com as já comprovadas do Brasil, que somam 14 bilhões de barris.

Esse novo poço poderá ser declarado comercial em 31 de dezembro, quando estarão concluídas as perfurações de outros dois poços de delimitação da reserva.

Os municípios que devem se beneficiar com royalties de Tupi são Maricá e Niterói. O poço é explorado pela Petrobras (65%), em parceria com a BG Group (25%) e a Galp Energia (10%).

outubro 24, 2010 Posted by | Economia | , | 2 Comentários

MPE-DF para Weslian Roriz: chupa

Agora também temos a mulher laranja

Do site do Ministério Público Eleitoral: Procuradoria Regional Eleitoral do DF defende rejeição da candidatura de Weslian Roriz

Renata Chamarelli

Prazo para substituir candidatura já expirou e representa ofensa ao princípio da representatividade

A Procuradoria Regional Eleitoral do Distrito Federal emitiu parecer nesta terça-feira, 28, contra o pedido de registro de candidatura de Weslian Roriz. Com base na Lei das Eleições, o prazo para a substituição da candidatura de Joaquim Roriz teria expirado no dia 20 de agosto, impossibilitando o registro de sua esposa.  Além disso, para os procuradores regionais eleitorais Renato Brill de Góes e José Osterno Campos de Araújo, a eventual substituição ofende a legitimidade das Eleições e o princípio da representatividade, ambos estabelecidos pela Constituição Federal. “Uma decisão favorável ao registro de Weslian Roriz causaria no restante do país um efeito cascata, legitimando diversas candidaturas laranjas”, destaca.

A Lei 9.504/97 determina que a substituição de candidato que for considerado inelegível ou renunciar pode ser feita depois do prazo final de registro. Porém, o registro do substituto deve ser requerido pelo partido ou coligação até 10 dias contados da decisão judicial que motivou a troca de candidatos. No caso Roriz, a decisão que deu origem à substituição de candidato foi proferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do DF – que indeferiu o registro do ex-governador – e publicada no dia 10 de agosto. Com isso, o prazo final para pedir a substituição acabou no dia 20 de agosto.

Os procuradores ressaltam que o recurso de Roriz ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) – contra o indeferimento determinado pelo TRE-DF – não tem efeito suspensivo. Ou seja, mesmo tendo recorrido, o prazo de substituição ainda seria válido. De acordo com resolução do TSE, o partido ou coligação que tiver seu registro negado tem duas opções: substituir o candidato no prazo de 10 dias ou recorrer, por sua conta e risco.

No parecer há ainda o argumento de que a substituição da candidatura de Roriz teria por finalidade única afastar a inelegibilidade que pesa sobre ele. O ato burla decisões judiciais que lhe indeferiram a candidatura, ofende a legitimidade das eleições e o princípio da representatividade. A manobra fica clara em entrevista coletiva de Roriz na qual ele afirma que continua candidato e vai governar  por intermédio de sua esposa.

“A substituição comporta um perigoso efeito cascata e decorre de um flagrante desrespeito aos princípios constitucionais, à sociedade, e às decisões judiciais que indeferiram o registro de candidatura do renunciante, não podendo a Justiça Eleitoral ficar alheia à tal situação de coisas”, destaca.

setembro 29, 2010 Posted by | Política | , , , , | Deixe um comentário

Lula na Bovespa: lançamento de ações da Petrobras é a maior do capitalismo

“A maior oferta de ações já registrada na história econômica mundial acontece nesta bolsa verde-amarela, com uma empresa em cujo nome reluz o interesse nacional: Petrobras.”

setembro 24, 2010 Posted by | Economia | , , , | 3 Comentários

Brasil pode mais: desembarques batem recorde histórico

Da Agência Brasil: Número de passageiros em voos domésticos e internacionais bate recorde

Vinicius Konchinski

O número de passageiros que desembarcaram no Brasil nos oito primeiros meses de 2010 é recorde. Em rotas nacionais, 43,3 milhões de desembarques foram registrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). Já em voos internacionais, 5,1 milhões de pessoas chegaram ao país. Os dados foram divulgados hoje (23) pelo Ministério do Turismo.

Nos voos domésticos, o número de desembarques em 2010 é 23% maior do que o registrado durante os mesmos oito meses do ano passado. Já nos voos internacionais, o crescimento é de 11%. Para o ministro do Turismo, Luiz Barretto, as marcas históricas são parte de um processo de crescimento do setor no país.

“Espero que o PIB [Produto Interno Bruto] do país cresça de 7% a 8% e a economia do turismo, 12%, 13% ou até 14% neste ano. Se for mantido esse ritmo, fecharemos o ano com 64 milhões de desembarques domésticos”, declarou Barretto na abertura de um evento da Associação Brasileira de Operadoras de Turismo, na capital paulista.

Caso essa previsão de desembarques se confirme, o crescimento em relação a 2009 será de 14%. Muito disso, segundo o próprio ministro, devido a inclusão de consumidores recém-chegados à classe média ao mercado turístico do país.

O ministro afirmou que esses novos consumidores compõem um grande mercado a ser explorado. Ele disse que pelo menos 11 milhões de brasileiros deverão fazer sua primeira viagem de avião em 2010, outros 11 milhões em 2011, e assim até o mercado atingir sua capacidade máxima.

“Especialistas dizem que o mercado turístico do Brasil explora só 20% do seu potencial. Ainda temos muito espaço para crescer”. Por causa deste crescimento potencial e aos grandes eventos que o Brasil sediará nos próximos anos que Barretto destacou a importância de investimentos no setor.

Barretto admitiu que o país tem falhas em seu sistema de aeroportos, de transporte e na sua rede hoteleira. Disse, porém, que o governo federal está investindo em soluções.

setembro 23, 2010 Posted by | Economia | , | 7 Comentários

A diferença entre o discurso e a prática – II

O discurso:

12/08/2010 – Serra promete construir 400 km de metrô em grandes cidades

A prática:

26/4/2010 – Média histórica de expansão do Metrô-SP é de 2 km/ano

(…)

Comparada a grandes municípios como a Cidade do México (200 km de metrô), Paris (213 km) e Madri (283,8 km), São Paulo fica tímida com seus 62,3 km de linhas. Enquanto a capital mexicana construiu 200 km de metrô de 1967 a 2000, a São Paulo fez 62,3 km de 1968 até hoje, com mais 12,8 km prestes a serem entregues.

Os investimentos mais fortes foram concentrados nos primeiros 20 anos, com a entrega das linhas 1-Azul e 3-Vermelha, um total de 38,7 km. De 1989 para cá, mais 20 anos, foram construídos 23,6 km. Dessa forma, além da necessidade de manutenção e modernização da rede, a cidade tem que correr atrás do prejuízo do baixo investimento feito até então.

22/4/2010 – Metrô: pane causa reação em cadeia

setembro 22, 2010 Posted by | Política | , , , | Deixe um comentário

Le Figaro: Lula modernizou o Brasil

Do site da BBC: Lula foi o presidente que modernizou o Brasil, diz jornal francês

Uma reportagem na edição desta terça-feira do jornal francês Le Figaro afirma que Luiz Inácio Lula da Silva foi o presidente responsável por “modernizar o Brasil”.

O texto, que recebeu uma chamada na capa do Le Figaro, é assinado pela correspondente do jornal no Rio de Janeiro, Lamia Oualalou.

A reportagem conta a história de Ricardo Mendonça, paraibano de Itatuba que se mudou para o Rio de Janeiro em busca de emprego em 2003 e conseguiu entrar na universidade graças a uma bolsa do programa Pro-Uni, do governo federal.

O jornal atribui o sucesso de Mendonça às políticas do governo Lula.

Histórias como esta de Ricardo o Brasil registra aos milhões. A três meses do fim do seu segundo mandato, este é um país mudado que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixará ao seu sucessor”, escreve o Le Figaro.

‘Barbudo onipresente’

O jornal diz que quando Lula chegou ao poder, em 2003, o Brasil era um país sem “grandes esperanças” que havia finalmente dado uma chance a um “turbulento barbudo onipresente na cena eleitoral desde o restabelecimento da democracia”.

O Le Figaro destaca que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso conseguiu combater a hiperinflação com o Plano Real, mas que se tornou “muito impopular” antes de deixar o poder em 2002.

Citando analistas políticos brasileiros, o jornal diz que Lula foi responsável por ampliar políticas sociais do governo anterior.

“O chefe de Estado reagrupou algumas medidas sociais do seu antecessor e lhes deu uma dimensão inimaginável”, diz a reportagem do jornal.

Pela primeira vez na história, o Brasil assiste a uma redução contínua e inédita das desigualdades. Em dois mandatos, 24 milhões de brasileiros saíram da miséria e 31 milhões entraram para a classe média.”

O jornal diz que o governo quer agora usar a riqueza dos novos campos de petróleo descobertos no litoral brasileiro para criar um fundo que beneficie os mais pobres.

O Le Figaro destaca que apesar dos avanços, o Brasil ainda é um dos mais desiguais da América Latina e do mundo, com altos índices de analfabetismo e problemas crônicos de saúde pública.

O jornal alerta também que as autoridades e parte dos analistas no Brasil não estão imunes à “complacência”.

setembro 22, 2010 Posted by | Internacional | , , , , , | 8 Comentários

Ávaro Dias é contra crescimento elevado do Brasil!

“Eu, particularmente, não me conformo com esse crescimento que eu considero pífio”

Bom, ele está alguns anos atrasado. Veja a discussão que acontecia em maio do presente ano:

12/05/2010

O Brasil está crescendo rápido demais?

Se no ano passado a grande discussão entre os economistas brasileiros era saber se o país já havia se recuperado da crise mundial, neste ano a principal questão nas mesas de debate promete ser exatamente o oposto: o Brasil está crescendo rápido demais? Para uma parcela considerável de economistas e especialistas, a resposta é um sonoro sim.

E agora:

Mercado eleva previsão de crescimento do PIB para 7,34% em 2010

Bom, o vídeo é do final de julho (30/7). Ou seja, o Brasil já estava rampando geral à época.

É um desinformado mesmo. Ah, ele é do PSDB! hahahaha

setembro 19, 2010 Posted by | Uncategorized | , , , | Deixe um comentário