Blog da Coroa

O outro lado do Cara!

Mais uma do FBI

Excelente post do FBI – Festival de Besteira da Imprensa sobre as diferenças de tratamento do PIG para com os dois candidatos:

http://festivaldebesteirasnaimprensa.wordpress.com/2010/05/03/mentir-mentir-e-mentir-a-principal-tatica-da-campanha-serra/

As Organizações Serra não querem que o Lula diga que a Dilma é a sua candidata e farão de tudo para que isso não ocorra.
Sem contar que tentarão, o tempo todo, dizer que o Serra é a boa continuidade do Lula e não a Dilma.
Se conseguirem fazer com que o eleitor acredite nisso, o Serra tem chance. Se não… Bye-bye Serra 2010!
Fatos que fundamentam as afirmações acima:
1. O PSDB promete entrar hoje com duas ações contra o Lula por ter dito que a Dilma é a sua candidata e por utilizar dinheiro público para promover eventos que se transformam em comícios de campanha
2. O Globo de hoje (3/4/10), pág. 4, Opinião com o título “Brincando de eleição” diz que o evento da CUT foi patrocinado com recursos públicos (é verdade) e tranformaram-se em comício de pré-campanha da candidata do PT.
3. O Globo, nesse editorial, esqueceu (propositalmente) de mencionar que as centrais sindicais convidaram todos os pré-candidatos.  O Serra não foi porque não quis. Os trabalhadores e suas famílias lá presentes gostariam muito de ouvir o que o Serra teria a dizer. Se foi um evento em que todos foram convidados, é mentira do Globo o mencionado acima.
4. Ainda nesse Opinião, da pág. 4, está escrito “Dilma Rousseff esteve ao lado do presidente Lula, no palanque, e o presidente insistiu na sua tática de driblar a Justiça eleitoral: ‘Para quem vier depois de mim, e vocês sabem quem eu quero…‘”.
5. Esse é o nó da questão: o presidente Lula não pode dizer que a sua ex-ministra, coordenadora do governo; candidata do seu partido, o PT; é a sua candidata. Não pode dizer nem implicitamente, que foi o que aconteceu.
6. A campanha do Serra, onde têm acento as Organizações Serra (Globo, Folha, Estadão e Veja, entre outros), indicou a não-participação do Serra nos eventos das centrais sindicais, exatamente para poder abrir ações contra o Lula e o PT. Se o Serra tivesse ido, não haveria base sustentável para as ações. Sem contar que o Serra seria vaiado do início ao fim, em função da péssima relação que ele e todos os tucanos têm com os movimentos sociais.
7. Anteontem (1/5), a coluna do Merval Pereira, um dos principais militantes da campanha Serra 2010, foi chamar o sociólogo francês Touraine, professor e amigo do FHC, para dizer que o melhor candidato da continuidade ao Lula é… o Serra.
8. Dois argumentos foram utilizados:
a) o Touraine disse que não conhece a Dilma  mas acha que ela é despreparada para essa continuidade. Em bom português: não conhece, não sabe nada a respeito e não gosta. Como cientista, o Touraine é um bom palpiteiro ao emitir juízo sem fundamentação! Eu estava pensando em ler alguma coisa dele, mas com essa desisti…
b) Diz o Touraine, segundo o suspeito Merval: “o próximo governo teria que fazer reformas de estruturas nas grandes cidades, sobre o transporte, habitação, medidas que Touraine já cobrava do atual governo Lula, e Serra estaria mais capacitado para essa tarefa depois de ter sido governador de São Paulo
9. Vejam bem, o Touraine não sabe duas coisas que qualquer brasileiro e paulista sabem:
a) O governo Lula desenvolveu, sob a coordenação da Dilma, um gigantesco e bem sucedido programa (com investimentos e medidas institucionais) em áreas de atribuição dos governos estaduais e municipais: saneamento, transportes, habitação. Coisa que o governo do pupilo e amigo dele FHC poderia ter feito e não fez, por opção.
b) O Serra foi um desastre como Prefeito e como Governador, depois de ter sido desastre como Ministro do Planejamento e da Saúde. Nas áreas mencionadas pelo Touraine, Serra não fez absolutamente nada. É só ver os números!
10. Enquanto isso, o candidato da imprensa, José Serra, participou em ato evangélico patrocinado pelo governo de Santa Catarina e a prefeitura de Camboriú, ambos geridos por tucanos, que injetaram R$ 540 mil no encontro anual da Assembléia de Deus. Essa informação é do insuspeito Josias de Souza, que acaba de ganhar créditos com este FBI. (clique aqui)
11. Então o jogo que interessa às Organizações Serra é o seguinte:
a) impedir que o Lula diga que a Dilma é a sua candidata;
b) chamar “os universitários” especialistas para dizer que o candidato da continuidade é o Serra;
c) divulgar uso de recursos públicos nos eventos da Dilma e esconder (mentir por omissão) o uso dos recursos públicos nos eventos do Serra.
***
“Mentir, mentir e mentir” será a tática da campanha Serra. Quem viver, verá!
***
Por falar em ações na Justiça Eleitoral, quando é que a campanha da Dilma entrará com ações contra as Organizações Serra que fazem campanha eleitoral antecipada, vinte e quatro horas por dia, especialmente no rádio e TV que são concessões públicas?

maio 3, 2010 - Posted by | Sem categoria | , , , , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: